LuxCitizenship

Nossos estudos sobre os duplos cidadãos luxemburgueses já chegaram ! Veja agora

Antes de se mudar para outro país é comum pesquisar sobra os custos de vida para poder se programar melhor.

É caro morar em Luxemburgo?

É e não é.
Luxemburgo possui o maior salário mínimo da Europa (em torno de EUR 2.140 e EUR 2.570 para empregados com qualificação) mas em contrapartida existem muitos descontos que infligem esse pagamento. Se você for solteiro então, o desconto é ainda maior.

Aqui dentro do país eu morei em apenas duas cidades: Esch Sur Azette e Luxemburgo. Essas são as duas maiores cidades do país, então vou falar um pouquinho sobre custos de vida com base na experiência que tive nesses dois lugares. Talvez em cidades menores seja diferente.

Acalme seu coração. Tudo vale a pena.

O custo de vida aqui em Luxemburgo é relativamente dentro dos padrões. Você consegue comprar comida, roupas, produtos de higiene, tudo com um preço muito acessível. O poder de compra na Europa é alto. E a qualidade de vida também. Aqui a saúde é considerada a melhor do continente europeu, o transporte público é gratuito e a educação supera todas as expectativas.

O que pesa aqui no Grão-Ducado é a moradia.
O aluguel em Luxemburgo é um dos mais altos da União Europeia e esse é o principal motivo de reclamação dos novos moradores. Os aluguéis de um apartamento pequeno de um quarto, por exemplo, giram em torno de EUR 1.400,00 na melhor das hipóteses, o que pode ser tornar bem pesado para uma pessoa sozinha, levando em consideração que ainda terão gastos com energia elétrica, calefação e outras taxas. Por isso muitas pessoas optam por compartilhar apartamentos. É bastante comum as pessoas alugarem quartos por aqui, o que sai bem mais em conta, principalmente para quem está iniciando uma vida neste país.

O combustível para automóveis também é muito acessível. A gasolina por exemplo gira em torna de EUR 1,30 por litro. E aqui conseguimos observar muitos carros híbridos ou elétricos.
No que diz sobre alimentação, tem que ficar atento às promoções que assim é possível economizar. De forma geral para um casal, ambos trabalhando e recebendo o salário mínimo, é possível viver muito bem por aqui.

Claro que tudo vai depender de como você gosta de levar a vida, pois existem muitas opções de entretenimento e vida social por aqui, o que podem ser um grande inimigo da sua poupança!